colunas

Potros do criatório Peleco classificados para a final de Rancagua.
por Arturo Montory Gajardo

Data: sábado, 10 de março de 2018 - Hora: 09:02


No primeiro rodeio clasificatorio em Lautaro, o criatório Peleco completou as três colleras autorizadas pelo regulamento para qualquer ginete, ou seja, ninguém pode classificar mais de três cavalos para o final.
Uma forma de promover o rodeio "amador".

Eles são os potros da cabanha Peleco Caballero, Mono e Messi.
Caballero é preto, bonito, e também ganhou o prêmio de selo de raça.
Este potro tem em comum com os demais, o outro grande potro preto Caoba Inocente, que traz consigo a linhagem de Enchufe por Cristal I e ​​do lado da mãe se juntou ao filho Quillacones Peleco e o Picaporte filho de Picurrio por Aculeo Quebrado.

Peleco Caballero é um picazo lindo, com um grande selo racial e extra de rodeios, filho de Contulmo de Atento por Inocente; e sua mãe Minga filha de Taconeo por Taco, em Maiga filha de Peleco Quillacon (Picaporte e Raptorcita de Los Tilos Quillacion II), na base yagua de Peleco Maruja filha de inocente e Ronda, de Roncador (Andrajo) em La Mocosita por Guardian I (Rigor) em Patagüina por Contagio (Cosaco) e Zandunguera irmã de Reforço que reproduziu Santa Elba.



Cosaco é o avô materno do Guarani, do Comunista, do Swindler e do Reforço.
Monkey Mono é o filho de Paicaví Requinto, também um neto de Inocente, no Santa Isabel Superb Chorus, e do lado materno, Barbara, através do semeador da família de Facón e Rigolemu.
Messi é filho de Peleco Ronaldo filho de Paicaví Requinto, em Rudera de Taconeo (Taco) em Paicaví Rudera filha de Picaporte (Picurrio-Quebrado) em Los Tilos Rastra de Quillacon II em Bufita.

Além disso, classificou duas filhas de éguas de Paicaví Requinto.
Os potros Los Tilos Quillacon IV e Trongol Pilpilco são desta família.



Venha e participe Conosco!
Deixe seu comentário,
Até a próxima.

Já viu os animais que vendemos? Veja Aqui!