Notícias

Embarcar cavalo em trailer requer técnica?

Data: sexta, 3 de maio de 2019 - Hora: 09:14

Há diversos vídeos no Youtube falando disso ou até mesmo você já deve ter pedido ajuda a muitas pessoas para resolver problemas nesse assunto
Eu, particularmente, acho, que não é uma questão de técnica, mas sim de como você deve se comportar nesse momento de embarcar o cavalo em trailer. É importante autocontrole, manter a calma, ter paciência, saber esperar, agir na hora certa. E o principal, muita gente acha que isso é uma coisa que não precisa ser treinada. Mas sim, precisa. Separe um tempo para treinar seus cavalos a embarcarem no trailer.

Se você se antecipar e conseguir resolver todos os problemas que surjam com o treinamento, em uma hora de emergência, por exemplo, ou quando tiver se organizando meio atrasado, com gente te esperando, para sair para uma cavalgada ou prova, não terá trabalho para fazer com que seu cavalo entre no trailer. Ele estará habituado a embarcar e desembarcar.

Os trailers, as carretas, as rampas de caminhão são lugares que realmente amedrontam os cavalos, porque são zonas de perigo na visão dele. Ele olha para o local escuro e apertado, um buraco escuro sem saída, e seu instinto pede que ele fuja. Então, como devemos agir para que ele não pense que é perigo? Ensinamos a ele e fazemos uma manutenção desse trabalho. Ou seja, sempre treinando esse embarque e desembarque para que ele se habitue.

Tenha em mente que você precisa de uma guia, um corredor e trabalhe a ansiedade do cavalo, o medo dele entrar nesse ‘buraco escuro’. Primeira dica então, deixe o cavalo que ainda nunca entrou em um trailer, ou que está com dificuldade, andar na guia ao passo perto da entrada. Deixe que ele se tranquilize com esse ambiente. Que ele se acostume com a visão desse corredor. Fique tranquilo e deixe ele bem à vontade, passeando com a guia em movimento. Dura quanto tempo você sentir que ele precisar explorar essa área em frente ao trailer.

No começo, fique em uma distância maior entre você e o trailer. Com o tempo, encurte esse corredor, se aproxime mais e deixe o espaço menor. Novamente, volte a deixá-lo à vontade, andando em volta de você e na frente do trailer. O cavalo, com certeza irá perceber a rampa, permita-o matar essa curiosidade, andando tranquilo. Quando ele tiver bem relaxado, peça para que ele ande em linha reta em direção ao trailer. Fazendo da rampa um foco para que ele perceba o local.

É bom que seu cavalo não aumente a velocidade. Se puder, evite o trote. Tudo sem pressa. E se mantenha em uma posição que permita que ele cheire a rampa, passa por cima, se acostume com o local. Tudo com bastante paciência. No próximo momento, pare o cavalo e faça-o pastar perto da rampa, se ambientar com esse novo local. Perceba se quando ele passa sobre a rampa, fica agitado demais, querendo sair de perto. Caso isso aconteça, repita os movimentos ao passo com calma.

Ele tem que perceber que pode ficar perto desse local que não oferece perigo. Continue incentivando seu cavalo a ficar perto da entrada do trailer. Faça movimentos que o coloquem em posição de parar perto da porta, subir na rampa, explorar bem esse local. Se você tiver paciência em todo esse processo e mostrar para ele que é um lugar seguro, a própria curiosidade dele o fará querer entrar.

Quando ele entrar, deixe-o dentro do trailer tranquilo, explorando e respirando, conhecendo o ambiente. E agora, como tirar seu cavalo lá de dentro? Novamente, calma e paciência. Ensine que ele pode sair de forma tranquila. Recuando para sair de garupa, ou virando e saindo de frente mesmo. Quando ele sair, deixe ele à vontade ainda para perceber o que aconteceu. Para que ele não tenha medo nem de entrar, muito menos de sair. Repita o processo de forma tranquila, tentando que ele volte a entrar. Se ele parar em frente a porta, na rampa, deixe que ele fique, que ele saiba que é um local de conforto, descanso. Quando sentir que está pronto, peça para que ele entre novamente.

Claro que nem sempre será da primeira que isso irá acontecer. Cada cavalo tem um temperamento e um jeito, mas a ideia de trabalhar com paciência fará você ter resultados. E depois que conquistar o que deseja, faça a manutenção, treine esse momento. Outra dica é que a doma precisa estar sendo bem feita também, sem pular etapas. Para que seu cavalo já esteja acostumado aos movimentos básicos. Pratique no seu dia a dia com seu cavalo!

Fonte: Aluisio Marins/Cavalus
Médico Veterinário e reitor da UC, instruindo cavaleiros a mais de 20 anos



Venha e participe Conosco!
Deixe seu comentário,
Até a próxima.

Já viu os animais que vendemos? Veja Aqui!


Sem Artigos do Campo no momento