colunas

"HORNERO"
por Oswaldo Dornelles Pons.

Data: quinta, 14 de março de 2019 - Hora: 09:11

Pois é ...ouve-se tantas afirmações dos "ditos sábios do cavalo crioulo" , só
poucos sabem da trajetória de Hornero e como chegou aqui no Brasil ...

Sim, poucos sabem que ele entrou em pista de remates pela porta dos fundos...
Foi reprovado na admissão por ser portador de um sobre-osso num dos membros anteriores , por essa razão ficou impedido de participar da Expointer daquele ano...

Ademais , pelo fato de ser um cavalo diferente dos cavalos da época e faltar 1 cm em sua alçada reforçou uma certa rejeição de alguns criadores mais ortodoxos da época...

Hornero , por ser diferente no que se refere a angulações marcantes e firmes , mexeu favoravelmente com algumas pessoas que buscavam o desenho de um "pingo de arreio".

Foi então quando chegando ao Parque de Esteio acompanhado de meu pai , o Fernando , meu irmão , nos convidou a olhar os cavalos Chilenos que estavam nas cocheiras só fundo ... comentando os cavalos diferentes , disse que havia montado no Tordilho (Hornero).
Ficando amigo de seu Ginete , Carlos Nogueira , nos apresentou e ali deu para ver que seu favorito éra o Tordilho .

Combinamos em fazer uma fé nele... também por estar reprovado , pela lógica entraria no final do remate e que deveria sair um valor mais em conta...

Estávamos em pé , bem empolgadas na espectaviva de sua entrada , quando nosso amigo Flavio Telechea , deu um sorriso e disse , já vi que o Tordilho vai para Bagé!!

Nosso pai lhe respondeu , sim vamos tentar . Vendo que sua presença ali era pelo o Hornero... nosso pai lhe disse , quem sabe levamos em sociedade ?
Ele gostou da ideia e sorriu ...
Como seus companheiros (Buitre e Chacao ) saíram vendidos antes e bem valorizados , nos levou mais uma vez acreditar que sairia por um valor razoável ...

Entrando em pista os lances dispararam , quando foi vendido por $1.000.000 us ... o lance foi de Dirceu Pons ... olhando para o Dr. Flávio , perguntamos , seguimos a sociedade ? E ele mais do que ligeiro , deu uma tragada longa no seu cigarro e respondeu , vamos sim , vai ser um prazer tê-lo como parceiro !!

Não preciso dizer que fomos criticados pelos criadores tradicionais que ali estavam...
Lembro quando um deles , me disse , vocês compraram um petiço , sem raça , e com ele não chegarão a lugar nenhum na raça !



Venha e participe Conosco!
Deixe seu comentário,
Até a próxima.

Já viu os animais que vendemos? Veja Aqui!