criadores

Conjuntos iniciam as etapas funcionais na Classificatória da Argentina

Data: sábado, 9 de março de 2019 - Hora: 12:41

Esta sexta-feira, 8 de março, durante a Classificatória em Jesús María/ARG, foi de Andaduras, Figura, Volta sobre patas e Esbarradas. No importante evento no país vizinho, participam 46 conjuntos no total (23 fêmeas e 23 machos). Os líderes parciais já são conhecidos.

Entre as fêmeas, a maior nota está com Charque Señorita com o ginete Horacio Casin, da Cabanha San Arsenio, que atingiu 18,008 de média parcial. Nos machos, a liderança parcial é de Pya Guazu Monito, da Cabanha San Agustin, que montado por Leonardo Machuca atingiu 18,067 de média.
Etapa morfológica

Como primeira etapa do desafio em terras argentinas, o julgamento morfológico foi realizado na tarde de quinta-feira, 7 de março, indicando os primeiros líderes parciais. Nas fêmeas, a maior nota foi dada à Epumer Carqueja, égua da Cabanha San Blas apresentada pelo ginete Ezequiel Justel, que saiu com 7,470 de média. Já na categoria dos machos, Entrerriano Fiesta Larga foi quem teve a melhor avaliação. O cavalo da Cabanha La Entrerriana obteve 7,300 de nota e está sendo conduzido pelo ginete Hugo Noguera.

O evento

Na pista da Sociedade Rural de Jesús María, na província de Córdoba, a semifinal argentina do Freio de Ouro conta com o julgamento de Luciano Passos, Carlos Milicevic e Rodrigo Diaz de Vivar na divisão das fêmeas, enquanto o trio Ciro Manoel Freitas, Carlos Cattani e Federico Argüelles é responsável pela avaliação dos machos. A supervisão técnica é de Thiago Andreolla Persici, profissional credenciado à ABCCC.

A Classificatória, que iniciou no dia 7, se estende até o próximo domingo, dia 10 de março, quando serão conhecidos os primeiros oito conjuntos classificados à final do Freio de Ouro 2019.

Fonte: Pedro Henrique Krüger/ABCCC



Venha e participe Conosco!
Deixe seu comentário,
Até a próxima.

Já viu os animais que vendemos? Veja Aqui!