Notícias

A menos que ele seja o Mr Ed, seu cavalo não pode falar com você. Por isso que é importante saber a linguagem corporal e entender seu comportamento

Data: terça, 22 de janeiro de 2019 - Hora: 11:31

Para ler um cavalo, você precisa entender o comportamento dele. Por um lado, o cavalo é um animal de liberdade, então seu instinto número um é fugir de algo que ele teme. É possível ver isso quando trabalha com um cavalo no chão. Quando o animal se afasta de uma pessoa que o manuseia, é um ato de respeito.

Outro instinto muito forte é o seu instinto de pastoreio. Eles estão sempre mais aptos a ir em direção a um grupo de cavalos. Se você está tentando ensinar ao seu cavalo um padrão de showmanship, ele pode querer ir para onde os outros cavalos estão reunidos.

Muitas pessoas culpam o cavalo por essas coisas. Mas em vez de culpa-lo, é preciso entender o comportamento. É sua responsabilidade aprender como lidar com isso e controlá-lo. Lembre-se, embora algumas coisas possam ser minimizadas com treinamento, algumas podem nunca desaparecer.

Uma grande parte do entendimento está em saber como o cavalo ‘fala’ com você. Ele usa orelhas, olhos, boca, cauda e pele. Ler seu cavalo é interpretar o que ele diz através do que faz com essas partes do corpo. O blog da AQHA procurou Lynn Palm para dar algumas dicas. Veja o que ela diz!

O que fazer?

Trabalhe seu cavalo no chão

Primeiro, aprenda a ler seu cavalo e seu comportamento enquanto estiver no chão, não quando estiver cavalgando. É a melhor maneira de ver como ele responde às coisas e o que ele pensa, suas reações aos comandos. Eu gosto de trabalhar meus cavalos em liberdade, por exemplo.

Sem estar montado, a perspectiva é outra. Dá tempo de usar seus olhos para avaliar seu cavalo. Montado, claro que se consegue perceber muitas coisas, mas são diferentes do que quando se está no chão. Se você puder controlar com precisão o cavalo no chão, verá exatamente as necessidades dele e seu nível de compreensão.

Se você conseguir uma boa compreensão sem estar conectado a ele através da sela, isso irá ajudar muito quando estiver montado. Especialmente na parte mental, já que te deixará muito mais seguro e com uma atitude mais positiva.

Aprenda o que procurar

Orelhas - primeiro, preste atenção em quão rápido ou lentas as orelhas se movem. Se estiverem se movendo rápido, normalmente indica insegurança, nervosismo, preocupação ou tendências de pânico. Se as orelhas se movem lentamente, geralmente significa que o cavalo está mais relaxado, aceitando o ambiente ao seu redor, confiante e atento ao que está sendo feito com ele.

Depois, veja a posição delas. Se o cavalo tem suas orelhas para frente e a ação é realmente rápida, isso significa que ele está alarmado. Apenas viu algo que o surpreendeu ou está muito alerta a alguma coisa. Caso estiverem para frente, mas movendo-se mais devagar, pode ser que esteja confiante, feliz e interessado no que está sendo feito com ele.

Quando as orelhas se movem lentamente para frente e para trás, esse é um cavalo muito atento. Ele está prestando atenção ao que está acontecendo, o que o treinador ou tratador está pedindo no chão ou algum comando quando a pessoa está montada. Cavalo atento ao que está acontecendo e confiante. Isso é expressão.

Se as orelhas apenas ficarem de pé, sem se mover por um tempo de um lado para o outro, isso não é expressão. Isso pode significar que o cavalo é indiferente ou está entediado. Ou ele poderia estar se concentrando, mas ainda confiante e relaxado sobre o que está fazendo.

Quando as orelhas do cavalo estão de costas ou tocando o topo do pescoço, é aí que você precisa se alarmar. O cavalo está realmente zangado ou resistindo ao máximo. Nessa posição, se mexerem de forma rápida, é raiva. Caso se mexam mais lento, resistência.

Cauda - Essa é uma parte do corpo do cavalo absolutamente essencial para que você aprenda como ele pensa e sente. É um mecanismo de equilíbrio muito importante para ele. Primeiro, quando o cavalo está relaxado, feliz e confiante no que está fazendo, você poderá ver isso pela forma como a cauda balança. Ele balança para frente e para trás, fazendo uma pequena figura X, com a cauda totalmente abaixada.

Em seguida, se a cauda se move parecendo um chicote, mas de forma suave, significa que o cavalo teve um pouco de reação exagerada a algo. Talvez tenha feito algo que foi um pouco difícil para ele ou o treinador forçou um pouco além de sua capacidade. Caso ela se mova de um lado para outro, muito forte como se estivesse balançando moscas, está chateado com o que ele foi solicitado a fazer. Foi muito difícil ou ele está resistindo.

Se a cauda balançar nas costas, fique alarmado. Isso significa que o cavalo está realmente bravo ou resistindo. É mais comum ver isso com um cavalo alfa em uma manada alarmando outro cavalo para fugir. Se o cavalo estiver correndo em direção a outro, perseguindo-o, você poderá ver a cauda arremessar-se pelas costas.

Com um cavalo que é realmente relaxado e descontraído, confiante, a cauda geralmente fica ao lado de seu quadril. Em outro momento, esta matéria continua com a análise das reações de boca, olhos e pele.

Fonte: AQHA/CAVALUS
Tradução e adaptação: Luciana Omena
Foto: Cosas del Campo



Venha e participe Conosco!
Deixe seu comentário,
Até a próxima.

Já viu os animais que vendemos? Veja Aqui!


Sem Artigos do Campo no momento