colunas

Curticeiras e sua grande influência Brasileira...
por Ignacio Lussich

Data: sábado, 3 de fevereiro de 2018 - Hora: 10:08

Rivera é um dos lugares onde você pode respirar mais tudo o que tem a ver com o Freio de Ouro. Isso é devido à influência brasileira, estando na fronteira com Santana do Livramento, sede de uma das mais de cinquenta credenciadoras de Brasil Além disso, é muito fácil para os crioulistas riverenses fazer visitas a cabines na área e exposições que geram um excelente vínculo entre criadores de ambos os países, trocando genética e experiências.

O primeiro fim de semana de dezembro foi realizado no Local Curticeiras, na Rota 5 e a poucos quilômetros da cidade de Rivera, a última credenciadora do ano e o segundo dos três que a Sociedade de Criadores de Caballos Criollos do Uruguai realizará para a Ciclo 2017-2018. Esta feira, recebemos novamente com uma excelente faixa e ganhamos para o bom desenvolvimento da prova. Igual que na credenciadora de San Carlos, o julgamento foi responsável pelo brasileiro Thiago Persici, que já havia sido jurado na credenciadora de Treinta y Tres em março, juntamente com Germán Sapelli e Oscar Aycaguer, ambos criadores uruguaios das cabanas El Cardeal e Los Rosales, respectivamente.
A competição foi feita para destacar, a participação de dois cavaleiros que ganharam o Freio de Ouro em Esteio, Daniel Teixeira e Claudio Fagundes. O primeiro foi coroado em 2017 com o segundo e terceiro lugar na categoria fêmeas (Freio de Prata e Freio de Bronze) montando BT Basteira e Jeitosa do Mano a Mano. Por sua vez, Fagundes é o atual freio de prata na categoria masculina com La Castellana Esplendor.

COMPETÊNCIA ALTA
Rivera recebeu a participação de oito mulheres e cinco do sexo masculino, um pouco mais numerosas que o credenciador de San Carlos, o que representou um teste de maior competência e melhor nível, não só para o número, mas para a qualidade dos cavalos e dos cavaleiros.

O vencedor foi uma excelente égua de Cabaña La Quebrada, de Aznárez Elorza Hnos, conduzida por Mauro Villamor, um experiente ginete de Artiguense. Quelén Provinciana alcançou um excelente resultado de 18.781. Esta rosilha que em 2015 classificou Esteio com o piloto Javier Da Silva e não pôde participar por lesão, mostrou que ele está recuperado e pronta para lutar por um dos quatro lugares da credenciadora uruguaia. A Provinciana não teve uma boa classificação morfológica, mas notas muito boas nos oito estágios funcionais que a levaram a essa posição. Esta égua tem uma genética funcional muito importante, tendo em seu pedigree Santa Teresa Papayero, Maquena Chuchoca e Estribillo, três cavalos chilenos de excelente performance e produção.
Em segundo lugar, a Justiciera de los Cardos do local Marcelo Berrutti com o piloto Daniel Texeira obteve 18.514 pontos. O brinde que ultrapassou morfologicamente o primeiro, não teve uma performance mesmo assim, especialmente nos testes de marcha e mangueira. De qualquer forma, é outra égua que seguramente será o protagonista da Qualificação. Ela é filha de Lanceiro Simpatia, um tordillo Berrutti importado do Brasil que teve uma performance espetacular em 2013 em Esteio, atingindo a quinta posição do Freio de ouro.

A fita Yerbera II, exibida por Santa Elena de Guarapirú de Roberto Mailhos, obteve o terceiro lugar com 16.584 pontos montados pela Soledad Ferreira. Este brinde que havia participado semanas antes em San Carlos mostrou algumas melhorias que lhe permitiram credencial. Yerbera II combina a genética tradicional desta cabanha, tendo em seu sangue Del Goyaz Jarro, Santa Cruz Incato e Marincho Brasilero que lhe deu bons resultados.
Nas mulheres, a quota de credenciadas foi encerrada Ficción de la Colina de Bella Estancia S.A. com o monte de Claiton Carvalho. Uma égua morfologicamente correta que realizou testes com pontuação aceitável. Esta é outra filha do famoso Lanceiro Simpatia.

Já nos machos, Danzarino de la Colina, que começou em primeiro lugar com a morfologia, ganhou o teste com 18.156 pontos. Este lobo foi conduzido por Claudio Fagundes e exposto por Bella Estancia S.A. Ele teve um teste uniforme com bons resultados em geral. Este cavalo é o filho do garanhão brasileiro Cinchador Lapacho e a mãe LS Hornera Tres, que era uma égua muito destacada em seu tempo tanto por seu desempenho morfológico quanto funcional nas encostas do nosso país.

O candidato a Solana Bo com o cavaleiro Juan Pablo González ficou em segundo lugar com 17.115. Ele foi exposto por Claudio Fernández e teve notas muito boas nos testes sem gado (andar, figura, virar as pernas, listrado e Bayard-Sarmento), mas em testes de mangueira como nas paleteadas, sua performance foi notoriamente baixa, o que levou para esta posição. Este cavalo colorado é o vencedor do Freio de Ouro 2002, Candidato Simpatia.
Apenas dois garotos atingiram a pontuação mínima, então os quatro lugares não foram concluídos.

Um fato a destacar foi a participação do cavalo PG Mackenna. Este gateado ganhou a Clasificatoria do Uruguai no Outono no mês de maio, com uma performance funcional brilhante. Infelizmente, devido a uma lesão alguns dias após a final em Esteio, ele não poderia participar. Desta vez, em Rivera, o cavalo foi visto com um estado físico que atraiu a atenção por causa de quão diminuiu. Nem mostrou nos estágios funcionais, ao ponto de não atingir a nota mínima de credenciar.

Um dos pontos altos do credenciador foi a estréia de Juan Dufort com Bucanero Salvaje, exposto por Francisco Lenguas. Este cavalo veio para ganhar a prova Alberto Soca em San Carlos (praticamente as mesmas provas do Freio de Ouro). Desde o início das competições funcionais, este oveiro subiu ao primeiro lugar, demonstrando que estava pronto para ganhar a credenciadora. No entanto, devido a um sangramento causado por um corte pelas esporas, o binômio foi removido da prova. Lembre-se de que alguns anos atrás, a regra do "sangue zero" foi aplicada, o que implica que o equino que tem sangue em algum lugar do corpo será removido do teste como uma medida de bem-estar animal.
Para terminar o circuito das credenciais uruguaias, a Sociedade de Cavalos Crioulos do Uruguai, confirmou que este será o fim de semana de 16 a 18 de março em Salto.

Tendo em conta as habilidades de San Carlos e Rivera, pelo momento credenciaram oito éguas e três machos, que serão adicionados aos que surjam em março para competir pela clasificatoria a Esteio.



Venha e participe Conosco!
Deixe seu comentário,
Até a próxima.

Já viu os animais que vendemos? Veja Aqui!